Páginas

15 julho 2013

Novas redes sociais são alternativas ao Facebook




   A maior rede social que temos hoje, o Facebook, já está com os dias contados.  Nos perguntamos se acontecerá com a rede de Zuckerberg o mesmo que ocorreu com o Orkut, e de fato, temos algumas provas de que o final pode estar próximo. Perfis falsos, excesso de publicidade e aplicações aparecendo nas atualizações dos usuários foram alguns dos motivos para a falência do Orkut, coincidência ou não, essas características estão também no Facebook.  Além disso, muitas pessoas, vendo que tem uma dependência muito grande da rede, querem se afastar dela, já que para estes, uma curtida pode ser gratificante, mas a falta dela pode significar um abalo na auto-estima.
   Dessa forma, fizemos uma seleção de novas redes para que você possa experimentar sair um pouco da maior rede social do planeta. Em primeiro lugar, e possivelmente a alternativa mais viável ao FB é o Instagram, a rede de fotos que também é propriedade de Zuckerberg vem ganhado mais perfis (13% contra 67% do Facebook) e quase ultrapassa o Twitter (16% dos usuários). Outra rede que tem se destacado é o Pinterest, com 15%, apontado como a melhor busca de imagens, ganhando do Google. E ainda há o Tumblr, arrematada pelo Yahoo ano passado, com 6% dos internautas.
   Mas se você já se cansou de todas essas redes, e quer se fechar em redes sociais para apenas os (reais) amigos e familiares, apontamos como sair um pouco da bagunça da Internet e focar no que você precisa compartilhar.
Em primeiro lugar, o Whatsapp, um aplicativo que tem ganhado mais proporções sendo alternativa aos chats das redes sociais. Mas se você quer mesmo focar em quem realmente interessa, o Path é a sua rede, nela você pode ter até 150 amigos. Gosta de Instagram? Que tal um Instagram de vídeos editáveis? É essa a ideia do Viddy, nele você pode colocar efeitos especiais em vídeos de até 15 segundos. Quer ganhar dinheiro sem sair de casa? No app Teckler você pode! Nesta rede você é remunerado de acordo com as visualizações do seu post. Agora, se você odiou todas essas ideias e quer manifestar como você é um hater nato, vai querer participar do Hater, um app para compartilhar tudo aquilo que você odeia!
   Na era do consumo, filtramos o que comemos, vestimos, e a informação que está a sua disposição também deve ser filtrada, evite a web-overdose e sobreviva no mundo do curta e compartilhe!



Um comentário:

  1. Bem vindos à Fliender

    Bom dia , foi inaugurada a versão BETA da Fliender, uma nova rede social... quero convidar vocês à também participar dessa comunidade, é uma rede que visa o dia-a-dia de cada membro, uma rede social jovem com raízes Curitiba que visa conectar com eficiência e gerar oportunidades para os membros a partir desta conexões, cada pais tem um padrão de vida diferente e a Fliender visa o padrão de vida do brasileiro.

    Se cadastre agora mesmo, é de graça: http://fliender.com

    ResponderExcluir

Comente!